Arquivo de fevereiro \24\UTC 2011

SALA DE LEITURA

BEM VINDOS À SALA DE LEITURA!

Olá meus queridos! Que a paz do Senhor Jesus seja com todos. Hoje teremos mais um tema de grande importância para a nossa aprendizagem semanal. Por gentileza abra comigo a sua Bíblia no Livro dos Salmos.

LEITURA DA SEMANA

Salmo 23. 1 a 6

1 O Senhor é meu pastor; nada me faltará.
2 Ele me faz repousar em passos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso;
3 refrigera a minha alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome.
4 Ainda que ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam.
5 Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unge-me a cabeça com óleo; o meu cálice transborda.
6 Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias de minha vida; e habitarei na Casa do Senhor para sempre.
Que lindo salmo! Como você se sente depois de ter lido? Acredito que as palavras desse Salmo de Davi tocaram o seu coração da mesma forma que tocaram o meu. Mas, você que ainda não possui uma convivência espiritual com Jesus Cristo, o nosso verdadeiro Pastor, entendeu bem a leitura de hoje? Se não entendeu bem, permita-me desta feita, contar-lhe uma história bíblica que fala de um pastor que amava muito as suas ovelhas. Você vai amar esse bondoso pastor. A história começa assim: Todos os dias aquele pastor chegava pela manhã ao redil , lugar onde as ovelhas dormiam. Ele abria a porta do curral e examinava uma a uma e se alegrava por vê-las saudáveis. Ali o pastor dava carinho a todas, abria a porta do curral e saia com elas em direção ao campo, que era um lugar lindo! Assim, um lugar fresco, com muito verde, um lugar de altos e baixos, pequenos montes verdejantes. Logo abaixo, havia um rio de águas claras e mansas, era por assim dizer, um lugar de descanso!

O GRANDE AMOR DO PASTOR

Naquele lugar o amado pastor assentava-se no ramado e passava a admirar cada uma de suas lindas ovelhinhas. Ele observava o modo de andar de cada uma delas, o modo de comer, beber e ruminar de cada uma de suas cem ovelhas. Porém, havia uma que devido à boa saúde que possuía, pulava muito, corria para lá e para cá, pulava sobre as outras ovelhas, digamos que era uma ovelhinha muito ativa e alegre. O pastor a amava muito, mas também lhe dava algumas palmadas, ora com o cajado, ora com a vara – a curva e a ponta do cajado -. Ele fazia assim para acalmá-la. Mas a ovelhinha continuava sempre ativa.

O CHORO E A DOR DO PASTOR

Ah! Meu amigo, quando o dia terminou, o pastor juntou todas as ovelhas e começou a caminhar em direção ao redil, e quando chegou naquele curral, ficou ao lado da porta e iniciou a contar uma por uma enquanto entravam no redil. Tal foi a surpresa daquele pastor. Ele não viu a ovelhinha a passar pela porta do redil. Rapidamente deixou as 99 ovelhas no curral e se foi apressado chorando e clamando pela ovelhinha que se perdeu. Grande foi a sua dor e aflição! Aquela ovelha que se mostrava tão saudável, não estava mais no redil. O amado pastor se preocupou muito imaginou que talvez um lobo a tivesse devorado, ou quem sabe, estaria tentando voltar sem saber o caminho. O pastor cheio de amor saiu chorando pela falta de sua ovelhinha querida, ele não descansa enquanto não encontrá-la seja como for, ele deseja tê-la de volta em seus braços. Já cansado de procurar a ovelha, ele senta-se à beira do caminho expressa com voz de tristeza: Ah! Como gostaria de te encontrar, minha ovelhinha querida! Por que você fugiu de mim? Volta para os meus braços, volta para casa! Sou eu o teu pastor! Nada há de te faltar, minha ovelha querida onde tu estás agora! Eu te amo, vem para mim! Enquanto ele estava envolvido em seus lamentos, ouve algo como um som distante e abafado assim como: béééééé! bééééé! Béeé! – Oh! Minha ovelha! A voz da minha ovelhinha! Ele se levantou de salto e saiu correndo ouvindo o som que vinha de algum lugar. E pelo som de bééé! O pastor foi se aproximando e de repente, pode ver sua ovelha querida presa entre os arbustos, apoiada em algumas pedras que dava para um profundo abismo. Lá estava ela molhada e tremendo de frio sem poder se movimentar, se assim o fizesse despencaria abismo abaixo. – Oh minha ovelhinha! Vou tirá-la daí, fique onde estás não se movimente, eu sou o teu pastor, nada te faltará! E assim aquele pastor com muito cuidado e amor, desceu com muita dificuldade até alcançar a sua ovelhinha que se havia perdido. Com muito esforço, o amoroso pastor a tomou em seus braços, apoiando-a em seus ombros e a conduziu de volta ao redil das ovelhas. Agora sim! O pastor carinhosamente cuidou de suas feridas, deu-lhe água e alimento necessário à sua recuperação, fazendo-a descansar. A ovelhinha saudável aprendeu a lição, pois, ela encontrou o pastor que não deixaria lhe faltar nada.

É HORA DE VOLTAR AO REDIL

Ora meus queridos, somos ovelhas do pastor amado chamado Jesus Cristo. Ele deu sua vida por nós, tirando-nos do profundo abismo. Agora, ele nos guia por seu imenso amor nos maravilhosos caminhos por ele traçado. Talvez, você esteja na condição daquela ovelhinha, animada, saudável e alegre que se perdeu, afastando-se do redil – a igreja onde você congregava – quem sabe, você era alegre e feliz com Jesus, era aquele tipo da ovelhinha que saltava de alegria. Você pregava, cantava, participava de todas as reuniões da igreja. Você estava em todas as ocasiões, não perdia uma Santa Ceia, não perdia as visitações, você era feliz e não sabia! Agora, fora do redil fica a lamentar o seu destino. Esqueça tudo e volte. Quem sabe já não é hora de voltar! Ouça a voz do teu amado pastor dizendo: “Vinde a mim todos que estás cansado e eu vos aliviarei…” Se você está nessa condição dê um grito e chame Jesus! Meu Jesus! Jesus meu salvador, eu estou aqui, me socorre! Não deixe para manhã, eu e você precisamos de Jesus hoje, agora! Procure a sua igreja, fale com o seu pastor, conte-lhe sua situação e se reconcilie com o amado Pastor chamado Jesus. Que o Senhor nosso Deus te abençoe!

Anúncios

2 Comentários

MENSAGEM DE VIDA

Olá querido (a), tenha um feliz domingo e, que a Paz de Cristo Jesus, nosso Senhor, seja com você! É bom dizer que mais uma vez estamos com você em mais uma página da MENSAGEM DE VIDA, a mensagem que vai até você todos os domingos, para a glória de Deus nosso amoroso e gracioso Pai. Estamos trazendo hoje para você uma mensagem bíblica sob o tema: O VASO DO OLEIRO.

LEITURA DE HOJE: JEREMIAS 18.1-7

1 Palavra do Senhor veio a Jeremias dizendo:
2 Dispõe-te e desce à casa do oleiro e lá ouviras as minha palavras 3 Desci à casa do oleiro, e eis que ele estava entregue à sua obra sobre as rodas.
4 Como o vaso que o oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão,tornou a fazer dele um outro vaso, segundo lhe bem pareceu.
5 Então veio a mim a palavra do SENHOR:
6 Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? – Diz o SENHOR; eis que como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão ó casa de Israel.

Esta mensagem de Deus ao profeta Jeremias, nos parece ser bastante compreensiva, visto que o povo de Israel estava precisando de concerto, isto é, precisava tomar posição diante de Deus no que concerne a obediência. Então, para ensinar o povo israelense, o Senhor levou o profeta Jeremias até a casa do oleiro, que provavelmente no vale de Hinom, ao sul de Jerusalém, para se chegar até a casa do oleiro teria que passar pelo vale e aos poços de Siloé. É interessante que nesse vale incluía o campo para guardar e amassar a argila, o forno e o monturo municipal.

Tudo isso fazia parte do que se chamou campo do oleiro. (Zc 11.13; Mt 27.10). Chamamos carinhosamente a sua atenção para o seguinte: Entende-se por vaso, todo e qualquer recipiente útil em uma casa. Existem vasos para ser usados de várias maneiras e formas. Por exemplo, vasos para guardar águas limpas, enquanto outros servem para guardar águas sujas. Existem vasos que servem para conservar alimentos saudáveis, enquanto há outros tipos de vasos que, são feitos para guardar lixo e outros elementos imprestáveis ao uso ou consumo humano. Ora, o Senhor vendo a desobediência de Israel, orientou a Jeremias o levando até a casa do oleiro.
Para melhor entender essa mensagem vamos simular que somos vasos feitos pelas mãos do Senhor, e em suas mãos, pelas nossas fragilidades – como barro que somos -, não agradamos ao Senhor através do nosso comportamento diante D’Ele. Na condição de vasos temos sido negligentes, irreverentes, murmuradores, desamantes para com o nosso próximo, digamos que mesmo na condição de crentes vivemos uma vida desregrada, fugindo dos conselhos do próprio Senhor que nos fez. Quando deveríamos ser vasos de amor, vasos de santidade, vasos que preservem o óleo da unção que se destina a ungir os enfermos, que tal sermos vasos onde são postos os mais belos arranjos para o altar de Deus. Vasos de honra! Vasos que o nosso Deus não quebre para ser feito de novo, quisera que cada um de nós fosse vasos que dignifiquem o nome grandioso e poderoso do Senhor nos dias atuais.

O QUE FAZER PARA SER UM VASO DE HONRA

Meu (a) querido (a) irmão (a), Todos nós que nascemos em Jesus Cristo no momento em que o aceitamos como nosso salvador único e pessoal temos que viver uma vida nova, uma vida diferente do que era antes de conhecer a Jesus Cristo. As coisas antigas, ou seja, a nossa antiga maneira de viver ficou para trás, desapareceu para nós e, agora somos diferentes, pois, somos em Jesus NOVA CRIATURA. Ser vaso de honra nada mais é do que ser exemplar na igreja e na sociedade, é ter uma vida digna de ser vista e admirada por todos, como uma pessoa que fala ou que prega o que vive. Infelizmente, nem todos os crentes fazem assim, a grande maioria DIZEM UMA COISA E FAZEM OUTRA. Com isso, deixa de ser vaso de HONRA e passam a ser considerados vasos de DESONRA. É verdade que somos humanos e nossa natureza é carnal e gerada em pecado, porém, devemos compreender que fomos livres, para sermos vasos de honra através de Jesus. Vamos acompanhar um desses casos de uma pessoa cristã que se diz vaso de honra que, na verdade, é vaso de desonra.

UMA SIMULAÇÃO COMO EXEMPLO

Simule que eu e você estamos sentados no banco da praça que fica em frente à igreja. Está parando diante de nós um carro lindo de cor metálica. A porta do carro se abre e… – Vamos logo mulher, estamos fora do horário. – Calma filho, as crianças são pequenas e não acompanha o nosso ritmo. – ora essa, você de novo com conversa mole, vamos logo com isso. Veja esse comportamento na saída do carro e o destino é a igreja. Vamos até a igreja e assistiremos ao culto, depois tiraremos nossas conclusões… – Paz do Senhor meus irmãos, vocês moram no bairro? – Não, estamos passando e resolvemos entrar, e assistir ao culto. – Pois não, fiquem à vontade. – Obrigado meu irmão. Bem Edvard, vamos entrar. Ah! Ele é o pastor da igreja… – Meus amados irmãos o amor de Deus está derramado em nossas vidas, sejamos caridosos com o nosso próximo, principalmente com os novos na fé. Deus é amor e nós devemos ser também amorosos uns com os outros… – Edvard vamos embora, e na praça os acompanharemos até a sua casa, quem sabe aprenderemos algo novo, vamos lá? – Irmão, já vai, – sim, temos que ir, até a próxima, fique na paz do Senhor. – Edvard, já são 21h30, eles devem sair da igreja daqui a pouco, vamos aguardar mais um pouco…

Estão saindo e vem para o carro, vamos observá-los com cuidado. – painho, paiiiiiinho! Você disse que ia me dá um sorvete quando voltar da igreja! – Que abuso filho, não é agora… – mas você disse, eu quero o meu sorvete!… Aaaaiiii! Não me bata na boca… Mamãe olhe o que o painho fez em mim ta doendo, mãããããeeee!… – Meu marido, não bata na criança, o povo está vendo isso, acabamos de sair da igreja! – Cale a boca você também, senão me viro num monstro! – Misericórdia! Que Deus mude a sua vida. – Cale-se Iléiah, não agüento mais você, não agüento mais as suas correções, ora essa! – O que é isso Edvard, eles brigam a toda hora! Vamos segui-los até a sua casa sem que nos vejam. Vamos deixar o carro nessa esquina, a casa deles é ali. Vamos, vamos, eles estão abrindo a porta… –Aiii! Painho, não bata em mim, por favor! Você sabe que odeio isso. –Tarzan, Tarzan! Veja a postura Tarzan, você é pastor, os vizinhos estão nos observando! – Iléiah! Eta mulher chata! Chegaaa! Abra a porcaria dessa porta Iléiah! – Edvard a situação desse casal é crítica, o pastor Tarzan é forte fisicamente e é ignorante como estilo de vida. Como pode ser isso. Vamos embora, já é tarde, mas veja aquelas mulheres na calçada em grupo elas estão falando baixinho ouçamos com cuidado.

A DISCIPLINA NO LAR

…- Ele pastor, e como tal é um bruto, não tem nada de pastor, seus filhos e sua esposa sofrem muito, coitados! – Lirton! Entre senão vou te bater outra vez, vem, vem logo, eeeentre logo seu pastinha, entre! – Não! Não Tarzan não bata no menino! – Sai da minha frente Iléiah, senão bato em você também. – Bata, bata se você é homem! Não me empurre! Tarzan você não vai bater no Lirton, ahhh! Vai não, ele é meu filho! – Papai solte a mamãe! Solte a mamãe, solta, soltaaa! Solta eeeela! – Vão todos vocês pra baixa da égua! Vou dormir na casa da mamãe! Bando de imbecis! Tchau, tchau.

– Bem, Edvard, não sabemos se ele vai voltar para casa, o que vimos, já é o bastante para concluir o nosso tema de hoje. Mas para você qual a qualidade de crente, marido, pai e pastor que Tarzan apresenta para Deus e para igreja e a sociedade? Ele á vaso de honra ou vaso de desonra? – Pastor Osvaldo, aprendi a lição. Isso é feio, além de vergonhoso para um homem que se diz servo de Deus e ensina as ovelhas na qualidade de pastor, e acima de tudo se apresentar na igreja como manso e amoroso, quando na verdade é em casa e em família, um lobo devorador. Um homem frio e calculista. Para mim, o pastor Tarzan é um VASO PARA DESONRA, precisa se humilhar, chorar a fim de que Deus faça com ele o que o oleiro fez com o vaso que quebrou em suas mãos. O pastor Tarzan, antes de ser pastor deveria ser servo, deveria descer e não dar mal exemplo na rua em que mora. Enquanto isso, os irmãos fazem dele uma pessoa amorosa, carinhosa, um pai amável para com seus filhos e carinhoso marido para sua esposa, quando na verdade, Tarzan alem de envergonhar a igreja que faz dele um homem sóbrio, amoroso e cuidadoso, é ainda, um VASO DE DESNONRA para Deus. Obrigado Edvard, pelo menos você entendeu o tema de hoje. Lembrem-se que o vaso trincado na mão do oleiro foi quebrado e refeito como um vaso novo. O nosso Deus espera isso de nós, que aceitemos ser quebrados em suas mãos para sermos em seguida, transformados por Ele em um VASO NOVO, ou seja, um vaso usado por Deus para A SUA GLÓRIA. Amém? Que o Senhor te abençoe.

1 comentário

SALA DE LEITURA

Olá queridos, Paz do Senhor Jesus seja com todos.

Bem vindos à SALA DE LEITURA!

Estamos de volta à nossa SALA DE LEITURA, para mais uma vez ler e aprender a Palavra de Deus. Que bom tê-los de novo! Como foi a sua semana? Espero que tenha sido maravilhosa na presença do Senhor Jesus, OK!

Bem, hoje estaremos lendo a Palavra de Deus a respeito da Volta de Jesus a esta Terra. É um assunto que aos poucos vem saindo da mente e dos ensinamentos de muitas igrejas cristãs. Nós vamos estudar esse importante tema dentro de uma nova dinâmica expositiva.

LEITURA BÍBLICA:

João 14.1 a 3, vamos ler juntos.

1 Não se turbe o vosso coração; credes em Deus e crede também em mim.
2 Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fora, eu vo-la teria dito. Pois vou preparar-vos lugar.
3 E quando eu for e vos preparar lugar, voltarei e vos levarei para mim mesmo, para que, onde eu estou, estejais vós também.

A leitura que acabamos de fazer merece ser refletida com cuidado. Ela nos centra a respeito da volta de Jesus, como ele próprio anunciou aos seus discípulos, conforme vimos acima. Mas acontece que muitas igrejas, pelo que se tem notícia, vêm deixando de doutrinar a respeito desse especial aviso de Jesus. Diria, pois, a propósito: será que Jesus vem mesmo? É assim que a maioria dos crentes que, sem alimento da palavra de Deus permanecem nas igrejas, sem ter esperança de se encontrar com Jesus nos ares quando o som da trombeta ecoar anunciando o arrebatamento da igreja. Essa história de arrebatamento é para muitos uma história complicada demais. Existem irmãos que afirmam que Jesus já veio e não virá outra vez. Meus queridos atentem para a palavra de Jesus Cristo! Foi ele mesmo quem avisou que voltaria (João 14.3).

PARA OLHE E ESCUTE. Você já viu esse aviso nos cruzamentos das linhas dos trens? Jesus no Evangelho de Lucas Cap. 24 e versículos 3-8, quando estava assentado no monte das Oliveiras, no momento em que seus discípulos se aproximaram perguntando-lhes: “Senhor dize-nos quando sucederão essas coisas e que sinal haverá da tua vinda…” Jesus lhes falou: “Vede que ninguém vos engane, porque virão muitos em meu nome dizendo: Eu sou o Cristo e enganarão a muitos e certamente ouvireis falar de guerras e rumores de guerras, vede não vos assusteis; porque é necessário assim acontecer, mas ainda não é o fim. Porquanto se levantará nação contra nação, reino contra reino, e haverá fome e terremoto em vários lugares, porém tudo isto é o princípio das dores”. Faço a todos uma simples indagação: Você está PARADO, para testemunhar os acontecimentos diários em todo o mundo? Por acaso, você está OLHANDO as mudanças do tempo bem como as modificações geográficas no mundo? Será que você está ESCUTANDO as notícias que a mídia veicula dia a dia? Meus amados é preciso estar em ALERTA, Jesus está voltando!

Agora para melhor compreensão de todos vocês que acabaram de ler e ouvir explicações a respeito da volta de Jesus. Vamos simular esse acontecimento, assim você entenderá melhor. Vocês depois de terem lido a Bíblia na Sala de Leitura, vão comigo dar uma volta pela cidade e, quem sabe, depois tomar um lanche no Shopping Maceió e, depois cada um irá para as suas casas. OK? Vamos entrando no carro, vamos lá? Marcelo, que horas são? – São nove horas e quarenta e cinco minutos professor Osvaldo. Muito bem, o tempo está chuvoso e frio, mas nada que interrompa a nossa descontração, lá vamos nós! – Vou dizer uma coisa pra vocês, Maceió é uma cidade linda, vocês não acham? – … A Mirna está dizendo que é preciso melhorar. -Por que Mirna? – Ah pastor, a cidade tem muita coisa bonita pra se ver, mas só na Ponta Verde, os bairros… -Uuuui! – O que é Elizabete…  – Nããããoo! Eles sumiram! – Eles quem Elizabete? – O Marcelo e a Mirna, sumiram, só deixaram as roupas e os pertences! Pare o carro, pare! Pare o carro pastor! Eu quero sair daqui, socorro! – O Michel onde está?  – Está ao seu lado desmaiado, o que vamos fazer? Vamos parar um pouco agora. – Me leve pra casa, por favor, me leve pra casa! Ai meu Deus! O que é isso! – Vamos parar o carro para averiguar. – Não! Não pastor, eu quero ir pra casa, por favor, estou nervosa, quero ir pra casa, por favor! – Tudo bem, vou te levar pra casa. Espere! Que confusão é aquela ali na frente, olhe Elizabete, aquele ônibus bateu no poste! – … Eu não sei, estou com muito medo, tudo parece estranho, ai meu Deus! – Tente despertar o Michel. – Ele não acorda, Michel, Michel, Mich… – Onde estou, o que houve? – Explica pra ele Elizabete. – Michel, o Marcos e a Mirna sumiram no carro neste instante, veja, só ficaram as roupas e seus sapatos, relógios, e também a Bíblia deles! – Não! Isto tem sentido claro gente, pastor Osvaldo, Jesus voltou e levou a sua igreja, Pastor Osvaldo nós ficamos! Agora estamos perdidos, Elizabete, Jesus levou o Marcos e a Mirna e eu e o pastor ficamos, Oh não, Jesus! Meus Jesus, tenha misericórdia de nós. – Vejam aquela Senhora com as mãos na cabeça e vem em nossa direção… – Ruth, Ruth, onde está a minha Rutinha! Moço você viu a minha Rutinha! Ruth! Ruth! Alguém levou a minha Rutinha!

– Pastor, vamos sair daqui. – Michel ainda não podemos sair, o trânsito parou Michel. Aquele homem de mãos agitadas para cima, ele vem correndo e…  – Corram, corra ele vem atrás de nós! Fujam, ele é o anticristo! Corram, saiam da minha frente! – Meu Deus ele perdeu o juízo. – Não é isso, Elizabete, no mínimo era um afastado do caminho do Senhor e ficou como nós, e agora sabe que o anticristo vai dominar a terra, está pedindo o povo para fugir para bem longe, mas de nada adiantará! – Elizabete, você é evangélica? – Não Michel, sou apenas amiga do evangelho, os meus pais e alguém da minha família são crentes, eu nunca quis ser. – E você é crente, o que houve? Você e o pastor ficaram não entendo, vocês não eram crentes? – Pois é Elizabete, nossas vidas não estavam santificadas diante de Jesus, agora Ele veio buscar a sua igreja e nós ficamos.  Que tristeza! – O que nos espera agora é somente sofrimento e pressão do anticristo. – Pastor ligue o rádio do carro, talvez tenhamos mais notícias a respeito disso tudo, pode não ser nada do que estamos pensando! – …E atenção muita atenção! Interrompemos nossa programação para mais uma nota! Notícias chegam de todo o mundo dando conta de que essa catástrofe aconteceu a mesma hora em todos os lugares, as autoridades estão tentando descobrir a causa desse grave acidente de repercussão mundial. E atenção! Igrejas evangélicas estão abrindo suas portas e muitos pastores estão convocando os seus fiéis para uma reunião de urgência com orações! Permaneçam com seus rádios ligados em nossa sintonia, estaremos noticiando assim que a notícia interessar! – Minha gente, só Deus tem misericórdia de nós! Pastor, nós ficamos, nós ficamos oh! Meu Deus, nós ficamos!

– E atenção, grupos irreverentes e partidários de seitas religiosas atribuem esses acontecimentos repentinos aos crentes que diziam que Jesus Cristo voltaria para buscar a sua igreja. Famílias estão deixando suas casas sem saber para onde ir, muitos perderam pais, filhos, amigos, e irmãos de igreja. A confusão e o número de desaparecidos aumentam nas delegacias, hospitais, centro comerciais. A situação é lastimável. Pessoas não sabem o que fazer, saem nas ruas pedindo ajuda, mas ninguém faz nada, todos sofrem na mesma situação. E atenção! Muita atenção! Acaba de chegar aos nossos estúdios que o governos dos países mais avançados estão se reunindo para traçar planos de contenção e medidas que venham coibirem os abusos religiosos, principalmente os evangélicos, eles atribuem aos crentes toda essa confusão. Milhares e centenas de milhares desapareceram no mesmo instante e na mesma hora, não se sabe como isso aconteceu!” E atenção! Notícia urgentíssima! Notícias da Marinha assinalam que vários navios turísticos estão pedindo socorro nos oceanos, segundo seus relatórios há muitos desaparecidos, inclusive boa parte do comando e controladores das embarcações. E atenção! Para mais esse informe urgente! A aeronáutica também manda notícias de que vários aviões perderam o controle em pleno ar, pilotos, comissários de bordo e muitos passageiros desapareceram de repente, sem nenhum problema aparente, tudo é muito estranho. As aeronaves caem no oceano e outras explodem no espaço, é triste, desolador o que acontece em todo o mundo neste momento! Dentro de instantes traremos novas notícias, não desligue o seu rádio. – E agora pastor, para onde vamos nós? -Não sei, não sei Michel, estou tentando ligar, mas está tudo fora do ar. Elizabete, por favor, veja se você consegue, faça alguma coisa, não chore, agora é tarde, quem aceitou a Jesus como salvador e permaneceu fiel a ele, sumiu e a esta altura, se encontram na presença de Deus, e quanto a nós, é tão somente entregar nossas vidas ao Senhor e esperar o amargo fel que virá dentro em breve pelas mãos do anticristo.
–  Não consigo, o meu telefone só dá ocupado e o outro está fora de área. – É, tenho a impressão que estamos isolados e teremos surpresas dentro em breve. Ouçam, aí vem mais notícia do rádio. –  E atenção para esse informe, muita atenção! As autoridades mundiais emitiram uma nova ordem, de que fica terminantemente proibido fazer reuniões cristãs, ou evangélicas nos templos e falar no nome de Jesus. A nova ordem expressa que qualquer pessoa que for descoberta pregando ou falando no nome de Jesus, será presa imediatamente, e atenção para essa nota: O alimento vem se tornando escasso, e as autoridades exigem que procurem imediatamente os centros especializados para receberem a nova identificação na mão direita ou na testa. Essa nova identificação dará direito ao identificado, a efetuar suas compras. Quem não tiver o número 666 como identificação serão levados presos destinados ao sofrimento e morte lenta. Novas notícias dentro de instantes! – Veja pastor aquela senhora de joelhos na calçada, ela está de mãos levantadas, ouçam o que ela está dizendo! – Meu Deus, meu Deus! Porque fui tão irreverente a ti?Por que desobedeci tanto ao meu Senhor? Eu deveria ser mais crente, mais santa, mais obediente, Oh! Meu Deus me ajuda, me ajuda! Eu fiquei, eu fiquei eu bem que… Ela era uma mulher desviada, vivia na igreja mas gostava de todas as coisas que o mundo oferece, agora o seu prêmio, como o nosso também, se continuar a negar Jesus perderá a vida eterna com Ele..

– Pra onde vamos pastor? – Não sei, estou pensando voltar para a SALA DE LEITURA, vamos pra lá e discutiremos o nosso destino com Deus. Vamos pegar aquele atalho e vamos embora. A cidade está desarrumada, tudo está fora de lugar, veja quantos policiais nas ruas, ponham os cintos, e orem, eles poderão nos parar e se isso acontecer nos levará a interrogatório, afinal de contas nós ficamos e somos crentes. Pronto, finalmente, chegamos à nossa Sala! Vamos entrando, bebam um pouco de água e sente-se, relaxem, e depois vamos concluir a nossa lição de hoje.

Bem meus queridos, essa nossa saída pela cidade, pensamos em ir até o Shopping Maceió, para um gostoso lanche, foi apenas imaginação. O nosso objetivo foi tão somente aclarar e despertar ao mesmo tempo, a todos que lêem na SALA DE LEITURA, A fim de que estejam preparados em nome de Jesus para subir ao seu encontro que acontecerá a qualquer momento. JESUS ESTÁ VOLTANDO! Ele próprio deixou claro. Peçamos perdão ao Senhor, pelos nossos pecados, perdoemos uns aos outros sem reservas, assim como Ele, o Senhor Jesus, nos perdoou, isso sem voltar a trás e sem lembranças. Diga comigo: Senhor, eu agora aprendi como será a tua vinda, portanto Senhor Jesus, me prepara, para subir ao encontro com o meu Deus e Senhor. Te aceito agora como meu único e suficiente Salvador, e a partir de agora, tenho certeza que na condição de crente, salvo do mundo, estarei subindo contigo para viver contigo eternamente, amém. Não esqueça: Pare ,olhe e escute. Que o Senhor te abençoe!

Deixe um comentário

MENSAGEM DE VIDA

Leitura: 1 Coríntios 6.20

Porque fostes comprados por preço agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo.

Antes de conversarmos, lhe desejo um feliz domingo. Aproveito esse momento para dizer lhe que sempre aos domingos você terá uma mensagem de vida. Agradeço lhe em nome de Jesus por acessar a minha página. Que o Senhor Jesus continue te abençoando!

O VALOR DE UM ESCRAVO

Não sei se você tem conhecimento mais apurado da História do Brasil Colônia e, do Brasil Império pelo menos. Você poderia no seu intimo dizer: Porque o pastor está me fazendo essa pergunta? É o seguinte: Quando eu era estudante os meus professores contavam a história do sofrimento dos escravos, que gemiam choravam debaixo dos chicotes dos senhores de engenhos daquela época. Também me contavam que, quando os negros vieram para o Brasil, arrancados à força de suas terras na África pelas correntes e ferros e postos nos porões dos navios podres e molhados, chamados “Tombadilhos”, sem conforto nenhum, os negros, – com o meu especial respeito -, porque também sou negro, ao desembarcarem maltratados, pela fome e sede, eram despidos à vista de todos, a fim de serem vendidos aos senhores das terras brasileiras, os fazendeiros da época. O interessante disto, é que se o negro fosse desdentado, ou possuísse no corpo qualquer defeito ou cicatriz, por exemplo, não teria valor de venda no mercado escravista.

Esse negro doente era desprezado e acabaria morrendo sem cuidado algum, pois não teria valor como já dissemos, no mercado, e assim, morria desprezado. Os vendedores de escravos faziam seus leilões – com as vidas humanas, que humilhadas choravam à sua sorte – Aqui, ali, havia roda de escravos homens e mulheres -, nus sendo vendidos como qualquer mercadoria barata e sem valor no mercado, sem sentimento nenhum. Os ricos que por ali passavam ouviam a voz dos leiloeiros: “Olhem este aqui, é forte, alto, é um bom escravo para o trabalho no campo!” e o outro gritava: “essa mulher é uma perfeita mucama, venha ver o seu corpo, está à venda por um ótimo preço, vale o preço de mercado escravo!” E assim, os negros eram expostos ao sol e chuva, eles eram vendidos e obrigados ao prazer dos seus senhores na condição de escravos até morrer. Por que estou contando essa história, parece não ter sentido se olharmos o título da mensagem de hoje, não é mesmo? Mas tem sentido sim, e somos comparados no sentido espiritual da história que acabei de lhe contar.

TÍNHAMOS O VALOR DE UM ESCRAVO

Queridos, vamos fazer de conta que eu e você estamos presos e acorrentados, maltratados com fome e sede, passando vergonha pela nossa nudez, expostos no leilão de escravos no desembarque dos navios negreiros. Imagine eu e você sendo vendido pelos pregões (a voz do vendedor de escravos). Estamos falando agora em um sentido bem diferente, estamos falando no sentido espiritual. Imagine eu e você andando a beira da praia, no desembarque dos navios de escravos. Veja agora: Ali estou eu, sendo empurrado pelos vendedores que abrem a minha boca para mostrar os meus dentes aos que querem me comprar, imagine você também sofrendo para ser vendido, do mesmo modo que eu. Na sua imaginação, tentemos observar que há certo número de pessoas escravas como nós que já foram vendidas e agora estão sendo levadas amarradas para O SEU DESTINO FINAL, ou seja, para os currais de escravos, os lugares chamados Senzala – a casa dos escravos -. Diante de nós dois, há dois senhores, veja bem, dois senhores. O primeiro trajando roupas especiais como um fazendeiro importante, gritando forte assim: Ah! Eu quero esse mais forte, dá-lhe uma chicotada, quero ver se ele é bom de lombo!”E o chicote estala nas minhas costas, e eu apenas me encolho de dor para não sofrer mais. Lembre-se que estamos falando em sentido espiritual. Esse mesmo homem manda me afastar e faz o mesmo teste com você, quando o chicote do feitor (vendedor de escravos) te bate nas costas, você treme de dor, mas fica quieto e é afastado e fica perto de mim já ferido e sangrando. Porém, como te falei: O outro Senhor que não parecia ser um fazendeiro ele, bem jovem, de olhar sereno e meigo, olhou para nós dois e sorriu.

EM JESUS NÃO SOMOS ESCRAVOS

Como o primeiro homem que nos mandou acoitar estava escolhendo mais alguns escravos, o homem jovem colocou suas mãos marcadas (furadas) sobre mim e você e disse: “Vou levar vocês comigo, e vocês não serão mais escravos, e sim meus amigos, meus irmão, minha família, me aguarde um pouco”. Então se ouviu uma voz horripilante no ar, uma voz de ódio e rancor, gritando assim: “Tire suas mãos desses dois, eles são meus escravos e jamais sairão das minhas garras, eu os comprei deixe-os aí!” Porém o homem das mãos furadas com uma palavra de amor falou-lhe dizendo: “Não! Eles não são mais escravos, você não os pode comprar, Eu paguei O PREÇO por eles e lhes dei a minha própria VIDA, (Mateus 26.14-15). Portanto, você perdeu não só estes, e sim a todos os que aqui estão sendo vendidos e todos serão meus, não escravos, e sim, meus amigos e meus irmãos!”. E pelo preço pago por esse homem que não parecia fazendeiro e sendo Ele, o dono desta Terra, fomos finalmente livres das garras de Satanás que representa o outro comprador de escravos.
Meu querido irmão e amigo que lê a MENSAGEM DE VIDA, o nosso passeio pela praia do desembarque dos escravos foi apenas para dar uma melhor idéia de como o Senhor Jesus nos comprou tirando-nos da escravidão do pecado. Ele morreu numa cruz, foi vendido em nosso lugar por trinta moedas de prata (Mateus 26.14). Valor menor que valia um escravo em sua época. Agora se você desejar será livre, é tão somente estender a sua mão a fim de o Senhor das mãos furadas lhe possa tirar do meios dos que querem ser escravos. Por que fostes comprados por um preço agora, pois, glorificai o Senhor com o vosso corpo! Aceita o amor desse Senhor chamado Jesus, e seja eternamente livre! Que o Senhor te abençoe.

Deixe um comentário

SALA DE LEITURA

Bem vindos à Sala de Leitura!

Olá! Que a Paz do Senhor Jesus seja com todos vocês!

Meus queridos, hoje é quinta-feira, um dia especial para todos nós. É o dia em que voltamos à nossa SALA DE LEITURA. E hoje temos um assunto maravilhoso, sabe, nós vamos navegar no mar da Galiléia. Vamos aproveitar uma carona do pescador Pedro que é discípulo de Jesus, vamos para o outro lado, está bem? Eu e você pela Bíblia vamos fazer essa viagem. Agora me acompanhe por gentileza, vai ser bom demais!

Leitura: Mateus 8. 21-27.

23 Então, entrando ele no barco, seus discípulos o seguiram.
24 E eis que sobreveio no mar uma grande tempestade, de sorte que o barco era varrido pelas ondas. Entretanto, Jesus dormia.
25 Mas os discípulos vieram acordá-lo, chamando: Senhor, Salva-nos! Parecemos!
26 Perguntou-lhe, então, Jesus: Por que sois tímidos, homens de pequena fé? E levantando-se, repreendeu os ventos e o mar, e fez-se grande bonança.
27 E maravilharam-se os homens dizendo: Quem é este que aé os ventos e o mar lhe obedecem?

Bem meus amados, vamos entender com clareza o que acabamos de ler. No entanto, nem todos têm a mesma capacidade de interpretar a Bíblia, em alguns textos, esta, pois é a razão pela qual prefiro ir com vocês, nessa carona no barco de Pedro. Vai ser uma viagem legal, vamos lá? Deixemos Jesus entrar primeiro e… “Venham o barco é grande, e dá para todos, venham!” Pedro está nos chamando vamos logo, cuidado para não se machucar. Pronto! Agora é só admirar a beleza e a tranqüilidade do mar, é lindo não é?! A praia está pouco a pouco se afastando de nós. Alguém está entregando uma almofada a Jesus, ele arrumou a almofada na popa do barco. Ah! Ele vai descansar, também pudera, além de trabalhar na sua profissão de carpinteiro, ele ainda ajuda e ensina os seus discípulos as experiências do dia a dia, além da palavra de Deus. Vá descansar meu Jesus! Ele ainda está em pé, olhando para a imensidão do mar que ele mesmo criou, ele é o nosso amado Senhor.

O barco do irmão Pedro além de grande é forte, e Pedro o domina bem, não é à toa a sua experiência de pescador. Olhe, Jesus se deitou e já dorme. E a praia, cadê a praia? Só avistamos algumas das maiores casas, está muito distante de nós, já estamos em alto mar. Estamos em águas profundas, mas o barco continua tranqüilo. Eu preciso me apoiar melhor no meu lugar, e vocês fiquem à vontade… “Tiago, me ajuda aqui, ponha a vela do barco para o outro lado estamos precisando de vento”. É Pedro pedindo ajuda a Tiago, isso está me cheirando à calmaria. “Pastor Osvaldo, o céu está escurecendo!” Te preocupa não irmão Carlos, isso é da viagem mesmo, também não sou acostumado à viagem desse tipo, mas creio que não há de ser nada. “Irmão Carlos, estou com muito frio e medo, diga isso ao pastor Osvaldo”. Foi o irmão Heron. Ele é, de certa forma, preocupado com tudo, assim, uma pessoa tímida e medrosa. Não há de ser nada, vamos lá!

Gente! O sol se escondeu nas nuvens que estão escuras, tudo ficou diferente, de repente as águas se turvam, as ondas engrossam, misericórdia! Jesus tem misericórdia de nós! … Chega Tiago! Não consigo sozinho, me ajuda a remar! Cuidado gente, segure-se bem, não saia do lugar é, Pedro chamando a Tiago. … Ai, lá se vai o meu remo, as águas o levou, pronto, e agora! João me ajude, pegue o outro remo! Meus irmãos a coisa ta ficando feia por aqui, sei não, está ficando tudo escuro e estamos distante da praia, e muito distante, logo agora, eu não sei nadar, Só Jesus na terra! Pessoal, se movimente, não fique parado só olhando, estamos daqui a pouco nos afogando! Irmãos, Pedro está bravo, raivoso e gritando ordem a todos nós, mas o que vamos fazer, se eu ficar em pé aqui nesse barco, certamente vou cair fora do barco. Uma coisa vocês façam comigo, orem baixinho para não acordar a Jesus que está dormindo. “Veja! Aquela onda vai entrar no barco, por favor, meus irmãos segurem-se enquanto puderem!… “Socorro, Socorro, alguém me ajude!”Oh! É o irmão Carlos, espere aí meu irmão, vou te ajudar! “Minha gente, o barco vai quebrar! Aquela onda vai nos cobrir… “Marcos, o que está fazendo aí parado? Dê um jeito de acordar a Jesus, ele não está nem aí, veja como dorme, e nós aqui lutando, vá acordá-Lo!” Misericórdia Jesus, o irmão Pedro nem parece crente, está bravo demais, misericórdia!

Mas ele tem razão, “… Lá vem a ondaaaa!” Oh! João está segurando o mastro da vela!… “Cuidado João, as águas estão afundando o barco”… Ele não me consegue ouvir, é grande o barulho das águas, “Peguem alguma coisa, tirem a água do barco, senão vamos morrer afogados!” O irmão Pedro continua xingando todo mundo, que estranho! “Marcos cadê Jesus? Acorde ele, ou vamos morreeeer!” Ele não consegue acordar a Jesus. “Jesus, acorde! Jesus, Jesus acorde, por favor, Jesus acorde! Estamos morrendo!” “Marcos, cadê ele, acorde o Mestre, Marcos, balance ele, se não ele morrerá também! Lá vem a outra onda e muito alta segure-se! O barco está estalando com o tombo das águas, seguuurem-se!” “O que é Marcos?” Finalmente, Jesus acordou! “Jesus veja a nossa situação, estamos morrendo nesse mar!

Enquanto nós, eu e os meus convidados estamos agasalhados e molhados, tremendo de frio, Jesus está se levantando, com equilíbrio e simplicidade, agora ele está de pé. Vejam todos,os discípulos pararam de controlar o barco que está a ponto de partir-se. Jesus está de pé e levanta a mão direita para o mar… E repreendeu o vento e disse ao mar: Acalma-te, emudece! O vento se aquietou e fez-se grande bonança (Marcos 4.39).Ele agora está olhando para nós também, estamos molhados, tremendo de frio, e com medo, Jesus continua em silêncio e sério olhando a todos nós… “Por que vocês são assim tímidos?! Como é que não tendes fé? (Marcos 4.40). Veja, o mar se acalmou o vento parou de soprar forte, o sol começa a aparecer. Agora estamos alegres, Jesus voltou ao seu lugar. Observem os discípulos estão falando entre si e…” Que homem é este que até os ventos e o mar lhe obedecem? E finalmente mesmo molhados chegamos ao outro lado do mar da Galiléia, Ufa! Graças a Deus, chegamos em paz.

Bem meus queridos, que lição podemos tirar desse texto que acabamos de viver na passagem do mar da Galiléia? Será que temos fé em Deus. Você que me acompanhou nessa travessia, já fez essa pergunta a si mesmo? Que tipo de fé é a tua? O que é fé? Ora, fé é a certeza das coisas que esperam e a convicção de fatos que se não vêem (Hebreus 11.1). Será que temos fé o bastante para agradar a Deus? (Hebreus 11.6). Meus queridos irmãos e amigos, nesta SALA DE LEITURA, a gente aprendeu a confiar e servir a Jesus através da nossa fé N’ELE, se a nossa fé estiver do tamanho de uma grão de mostarda, diremos aos montes, ergue-te!Assim acontecera com ele. (Marcos 11.23). Lembrando que sem fé é impossível agradar a Deus. Se temos fé N’ELE temos que crer que Ele existe. Não podemos desviar a nossa atenção que está em Jesus, nossa fé deve estar fixada em Jesus, o nosso Salvador e Senhor. Espero que em nossa Sala de Leitura, tenhamos aprendido mais uma lição de Fé. Que o Senhor mais uma vez te abençoe, até o próximo encontro.

Deixe um comentário

A PAZ DO SENHOR JESUS PARA TODOS!

REFLEXÃO: Distraídos na vida

Lucas 10.38.41

Vamos nos concentrar no Versículo 40 que nos leva até Marta, irmã de Maria, aliás, as duas são irmãs de Lázaro de quem Jesus era amigo. “… Marta agitava-se de um lado para outro, ocupada em muitos serviços, se aproximou de Jesus e disse: Senhor, não te importa que minha irmã tenha deixado que eu fique a servir sozinha? Ordena-lhe, pois, que venha ajudar-me”.
A reflexão de hoje nos levará a meditar sobre a distração, um comportamento comum a todos nós. Todavia, é importante observar que, muitas vezes quando não sabemos controlar esse comportamento, ficamos à deriva, isto é, longe do que é mais importante em nossa vida. Assim como ocorreu com Marta, que nas entrelinhas da Bíblia, dá a entender ser ela, uma jovem agitada e muito inquieta, mais preocupada com as coisas do dia a dia. Bem diferente de sua irmã Maria, que via em Jesus, o seu principal objetivo. Jamais dizer que não devemos ser preocupados com o nosso dia a dia, temos que ser preocupados sim! Mas não a ponto de esquecer o nosso melhor que é o nosso querido JESUS.
Existem pessoas que vivem tão alheias à vida cristã que o seu dia a dia é normal sendo assim. Pessoas que amanhece e anoitece sem se dar conta de que a seu lado, há um Deus chamado Jesus cujo amor jamais podemos esquecer. Então, quando sentirmos que Jesus está vindo e quer falar conosco,(Ap 3.20), abramos a porta do nosso coração e O deixemos entrar na sala, O deixemos ficar na sala de jantar, no nosso quarto, e a sós com Ele, fechemos a porta do nosso secreto lugar e O recebamos. Não sejamos distraídos, O deixando a sós, façamos como Maria que ao chegar Jesus em sua casa, sempre ficava a seu lado para ouvi-LO. Deixemos tudo o que estivermos fazendo, mas fiquemos bem perto de Jesus, o nosso Melhor Amigo. Não nos deixemos distrair e, sim fiquemos com Ele sempre em espírito. Que o Senhor te abençoe.

1 comentário

MENSAGEM DE VIDA

Tenha um feliz domingo na presença do Senhor!

UM HOMEM CHAMADO ZAQUEU

Leitura bíblica: Lucas 19.1 a 10

Queridos irmãos e amigos da Palavra de Deus, o meu desejo neste domingo, é levá-los a compreender a história desse homem chamado Zaqueu, cuja vida sem crédito, diante de seus contemporâneos em Jerusalém, na época de Jesus, reflete um dos mais belos exemplos de arrependimento. Portanto, agradeço por me acompanhar nessa história.

Lá está ele procurando um lugar: para lá e para cá, o que ele quer realmente? Ele está a procurar a uma melhor posição, mas para quê? Bem, vamos acompanhar sua trajetória a fim de descobrir o ele quer fazer. Acompanhem-me e não deixem que ele nos veja. Fiquemos aqui enfrente aquela árvore. Olhem! Ele está subindo na árvore, Oh! Ele é baixinho tadinho! Quanta dificuldade para subir na árvore, mas por que ele está fazendo isso? Opa, quase caiu! Quanta dificuldade para subir ali. Mas, o que ele está fazendo! Será que está se escondendo do povo que ele roubou?! Nós o conhecemos como ladrão, e usurpador do dinheiro do povo, ele é chefe dos cobradores de impostos para os romanos, é gente, ele é o Zaqueu! E roubou muito para se enriquecer ilegalmente.
Opa! Dessa vez quase caiu da árvore, mas conseguiu ficar agarrado naquele galho grosso da figueira. Gente, que barulho é esse? Vejam, vejam! É Jesus acompanhado de seus discípulos e outras pessoas! Cuidado, não deixem que nos vejam! Silêncio! Eles estão parando bem perto de nós e vão se encaminhando para a figueira. Mas pra quê? Vejam só, Jesus está olhando para Zaqueu e, o chamando! “Saqueu, Zaqueu! desse daí, eu quero descansar na tua casa!” Vejam a rapidez que ele faz para atender a Jesus! Ah! Agora entendo, o porquê dele ter subido na árvore, ele queria ver a Jesus! Mas para quê? Vamos acompanhar de longe o que vai acontecer com ele no meio do povo, que lhe tem ódio. Vamos lá, vamos acompanhá-los. Foi uma boa caminhada, mas finalmente, chegamos à casa de Zaqueu sem que fossemos vistos. Ele está entrando em casa, e falando com Jesus! Como pode! Jesus é santo e Zaqueu é ladrão! “preparem as mesas” Ele está mandando seus empregados preparar as mesas. Puxa! Quanta gente para comer, será que vieram para comer ou para murmurar da vida alheia?! Vamos ver. Olhem aqui, nós não vamos entrar, lembrem-se que estamos apenas acompanhando de longe essa cena!
Vejam quanta comida! Os seus serviçais estão trazendo para as mesas, veja Jesus conversando, está tranqüilo na casa desse ladrão de impostos. Veja que alegria estampada no rosto de Zaqueu! Faça que não esteja vendo, aquele ali está cochichando, certamente desaprovando o que Jesus está fazendo ali, sentado para comer das mãos de um ladrão viciado como Saqueu. Olhe aquele outro, está também comendo, mas está falando alguma coisa, escutem: “Jesus se hospeda na casa de um homem pecador, na casa de um ladrão! Não pode ser Ele não é Santo!” Ouçam os falatórios, gente, o que é isso, eles comem e também e falam de Jesus e de Zaqueu, e seus acompanhantes. Vejam Zaqueu! Quanta delicadeza com os discípulos de Jesus, nem parece que é ladrão mal encarado e bruto. Saqueu está tão comedido, tão educado, o que está havendo com ele? Está tão diferente! Vamos esperar pra ver. Ele agora ficou em pé, e bate palmas, chamando a atenção de todos, como sinal de que pede silêncio na sala. Pissiu! Vamos ouvir ele está a falando agora: “Senhor, resolvo dar aos pobres a metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, restituo quatro vezes mais”. Gente, o que é isso! Zaqueu teve muita coragem, no meio das pessoas que o conhece como ladrão e defraudador e, ele agora está arrependido, o que é isso! O falatório é um só, ninguém esperava isso de Zaqueu, que barulho! O povo não para de murmurar! Silêncio, Jesus está levantando a mão, ele quer falar, vamos ouvir a Jesus. “Hoje houve salvação nesta casa, pois que também este é filho de Abraão. Porque o Filho do homem veio busca e salvar o perdido”. Deve ter havido muita alegria entre Zaqueu e Jesus, não tenha dúvida sabe, Zaqueu se arrependeu de suas falhas cometidas contra o povo e contra Deus, quando roubava e furtava na cobrança dos impostos, ficando rico à custa dos pobres. Zaqueu agora está feliz!
Bem, e vocês que comigo gostaram da história? Essa mensagem servirá de ajuda para você que está na mesma situação de Zaqueu. Acredito que ele não conseguia dormir bem, com sua consciência o acusando e o atormentando noite e dia, apontando os seus erros cometidos. Se você que me acompanhou nessa história bíblica, estiver na mesma situação de Zaqueu, saiba que Jesus está a teu lado. Agora é só confessar a ele e dizer-lhe que deseja mudar de vida. Faça isso agora. Vou te ajudar, é simples! Diga comigo assim: Senhor Jesus, eu me arrependo de todos os meus pecados e desejo ser uma nova criatura! Preciso do teu perdão, preciso do teu amor. Meu Senhor Jesus, me perdoa, me ajuda nessa nova caminhada, dá-me forças para vencer todas as dificuldades que encontrarei nesse novo caminho. Fica comigo Senhor, te seguirei até o fim. Obrigado Jesus por me salvar! Amém. Você agora está liberto e livre dos seus pecados, pois, uma vez confessado ao Salvador Jesus Cristo, lhe serão perdoados você agora é salvo por sua graça e pelo sacrifício que Jesus fez pendurado na cruz no Calvário lá em Jerusalém. Meu (a) querido (a) irmão (ã), ainda hoje, procure uma igreja evangélica, e se apresente ao pastor, dizendo-lhe que precisa se congregar porque aceitou a Jesus Cristo como seu salvador e Senhor. Não esqueça que você agora é uma nova criatura em Jesus Cristo. Que o Senhor Jesus te abençoe!

1 comentário